A Ordem
Serviços Regionais do Norte
Ética e Deontologia
Acesso à Profissão
Membros da Ordem
Supervisão e Qualidade
Publicações
Departamento de Formação
Departamento Técnico
Normativo Técnico
Biblioteca
Notícias
Protocolos e Outras Divulgações
Links com Relevância para a Profissão
Contactos
Área Reservada
X Congresso
XI Congresso
XII Congresso
XIII Congresso
Information about OROC
e-Learning





Revista


30

Julho/Setembro de 2005
POR CÁ...

Prémios Nacionais e Europeus para os Relatórios de Sustentabilidade 2005

Está já à disposição dos interessados o Regulamento dos Prémios Nacionais e Europeus para Relatórios de Sustentabilidade 2005. Recorde-se que, desde 1999, a Ordem dos Revisores Oficiais de Contas vem fomentando a elaboração e publicação de relatórios ambientais e de sustentabilidade, através da atribuição dos “Prémios Nacionais de Desenvolvimento Sustentável”.

Os vencedores dos prémios nacionais são candidatos aos “European Sustainability Reporting Awards”, atribuídos por um comité constituído em 1997 e que congrega 15 instituições dos países que aderiram à iniciativa da ESRA, entre as quais, como se sabe, está a OROC. No actual contexto nacional e internacional, o Desenvolvimento Sustentável vem assumindo um papel cada vez mais relevante, tanto ao nível global como empresarial. As recentes iniciativas nesta área envolvendo organismos internacionais tão conceituados como a UNEP, o IAASB e a FEE (emissão de documento reconhecendo que aos relatórios de responsabilidade social das empresas deve ser reconhecida a mesma importância que aos relatórios financeiros) são elucidativas.

E a intervenção do Secretário-Geral das Nações Unidas, Kofi Annan, através do Global Compact é igualmente um excelente exemplo. Como sempre a nossa Revista dá o maior destaque ao Regulamento atrás mencionado e revelará a decisão do júri quanto os premiados nacionais até 15 de Novembro.


Braz Machado doa Biblioteca à OROC

O colega Braz Machado tem vindo a entregar na nossa Ordem uma série de obras que constam da sua Biblioteca, cuja qualidade é sobejamente conhecida, pelo acervo de documentos, alguns deles muito raros. «R&E», face à atitude do ROC em causa, regista e muito justamente nas suas colunas esta decisão de José Rita Braz Machado que representa em última análise o apreço que tem pela OROC. Ficam aqui também exarados os agradecimentos devidos ao nosso colega.


Secção Regional do Norte debateu a 8.ª Directiva

Realizou-se no dia 26 do corrente mês, com início às 15H00, nas instalações da Secção Regional do Norte, mais um encontro – debate que, desta feita, teve por tema geral “As implicações da 8ª Directiva na qualidade do trabalho de revisão”. A introdução do mesmo foi feita pelo colega e membro do Conselho Directivo, António Gonçalves Monteiro.


Prémios de Contabilidade da APOTEC

Vai mais uma vez a Associação Portuguesa de Técnicos de Contabilidade, APOTEC levar a efeito os Prémios de Contabilidade «Luis Chaves de Almeida » e da História da Contabilidade «Martim Noel Monteiro». Para divulgação dos galardões, o primeiro lançado pela própria Associação e o segundo que é uma iniciativa do Centro de Estudos de Contabilidade da instituição, já está em execução a respectiva campanha. Mais quaisquer informações poderão ser obtidas junto da APOTEC (www.apotec.pt), R. Rodrigues Sampaio, 50 - 3º Esq. 1169-029 Lisboa, telefone 21 355 29 00 e fax 21 355 29 09.


Protocolo de cooperação com o BBVA

Foi celebrado um protocolo de cooperação entre a OROC e o Banco Bilbao Vizcaya Argentaria, BBVA (Portugal) AS, que se destina a conseguir melhores condições e vantagens para os Revisores e Sociedades de Revisores, bem como para os seus colaboradores e, ainda aos colaboradores da Ordem, no acesso à gama, muito diversificada, de produtos e serviços do Banco. Os termos desse protocolo e, assinado a 14 de Julho, foram divulgados oportunamente por circular aos colegas.




Parlamento Europeu aprovou Oitava Directiva (revista)
 * Declaração do Presidente da FEE

O Parlamento Europeu aprovou em 28 de Setembro o texto da Oitava Directiva (revista). Tal pode considerar-se de grande importância para a revisão/auditoria em toda a Europa e, em especial para os 25 Estados-Membros da União Europeia. A nossa Ordem, que tanto tem abordado, nas mais diversas situações e circunstâncias este assunto, não pode deixar de registar nas colunas da «Revisores & Empresas» este acontecimento de enorme relevância. Na altura, o Presidente da FEE, Féderation des Experts Comptables Européens (de que a OROC é Membro Fundador), David Devlin, fez a propósito a declaração que publicamos: «A profissão de revisão/ auditoria congratula-se com a decisão do Parlamento Europeu.

As reformas (que constam do documento – NR) são o suporte para uma revisão/- auditoria de alta qualidade e orientarão a consequente harmonização da prática correspondente». «A profissão de revisão/auditoria congratula-se ainda e em particular com os propósitos apresentados no respeitante a temas chave, tais como a aplicação de normas internacionais na revisão/ /auditoria (ISAs), a qualidade assegurada, as comissões de revisão/auditoria e as novas disposições para a supervisão pública, as quais reforçarão a qualidade da revisão/auditoria na UE».

«A profissão de revisão/auditoria espera agora que o ECOFIN tome a mesma deliberação da do Parlamento, de forma a permitir que a Directiva seja aprovada em primeira leitura. A FEE, juntamente com todos os organismos que a constituem tudo fará para assegurar o êxito a implementação da Directiva agora aprovada».


ISEG e IDEFF assinam com a OROC dois protocolos de cooperação  

A OROC, na senda do que vem sendo prática da instituição, assinou dois protocolos de cooperação com duas das mais prestigiadas entidades que, a nível universitário, se debruçam sobre questões de economia, finanças, direito fiscal, gestão, e outras.

O primeiro destes protocolos foi rubricado a 28 de Setembro na sede da Ordem, entre o Bastonário, colega Vieira dos Reis, e o Professor Doutor Vítor Gonçalves, Presidente do Conselho Directivo do Instituto Superior de Economia e Gestão, ISEG. No que concerne ao segundo, a sua assinatura verificou-se no dia imediatamente subsequente, ou seja 29 de Setembro. O colega José Vieira dos Reis representou, uma vez mais, a OROC e o Dr. Carlos Baptista Lobo aqui se deslocou em representação do Professor Doutor Eduardo Paz Ferreira, Presidente do Instituto de Direito Económico, Financeiro e Fiscal, IDEFF, da Faculdade de Direito de Lisboa.

Estas iniciativas, tal como foi sublinhado nos dois momentos, são um bom exemplo do que deve ser, cada vez mais, desenvolvido no nosso País: a colaboração técnica e científica entre as Universidades e a sociedade civil, de que a Ordem faz parte por direito próprio. Nas brevíssimas palavras proferidas nos dois actos, tal vertente foi enfatizada pelos dois subscritores dos protocolos.



« voltar